Buscar
A-
A
A+
Tamanho da Fonte
print Imprimir
personEnviar para um amigo

Compartilhe com um amigo:

clear
Ops! Verifique os campos destacados acima.
COMPARTILHAR

13/05/2020

Dia Nacional de Combate ao Abuso Infantil é trabalhado com a população de Santa Fé do Sul

Em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil, 18 de maio, a Secretaria Municipal de Assistência Social da Estância Turística de Santa Fé do Sul (SP), Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), realizam trabalho de orientação e sensibilização a população.

Devido ao isolamento social frente ao enfrentando da Covid-19, foi planejado e executado a confecção de materiais informativos sobre a data que chegam até os usuários da assistência social atendidos nos programas Bolsa Família, Renda Cidadã, Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), SCFV - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e Serviço de Proteção e Atendimento Especializados a Famílias e Indivíduos (PAEFI). 

Uma equipe técnica realizará live semanal discorrendo sobre a campanha em andamento - todas as quartas-feiras - às 14h. (13/05 - 20/05- 27/05)

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi instituído oficialmente no país através da lei nº 9.970, de 17 de maio de 2000. A escolha desta data é em memória do "Caso Araceli", um crime que chocou o país na época. 

“Vale ressaltar que temos serviços socioassistenciais especializados para trabalhar com as famílias dessas crianças e adolescentes. Enfatizamos que não precisam ter receio, medo de denunciar ou queixar sobre algum episódio relacionado a este fato, pois a equipe tem articulação e dinamismo para tratar este tema com toda preocupação, cautela e profissionalismo”, disse a Secretária Municipal de Assistência Social, Francieli Maximiano.  

A Assistência Social oferece canais de denúncias e que podem ser anônimas. Colabore e denuncie casos de exploração de menores por meio dos seguintes canais de denúncia: 

- Conselho Tutelar – 3631 1140

- Delegacia de Polícia Civil - 17 3631 1263

- Guarda Civil Municipal - 199 ou 17 3641 1216

- Disque Denúncia Nacional - 100 

- Disque Denúncia Estadual - 181

- Polícia Militar (em caso de emergência) - 190