Buscar
A-
A
A+
Tamanho da Fonte
print Imprimir
personEnviar para um amigo

Compartilhe com um amigo:

clear
Ops! Verifique os campos destacados acima.
COMPARTILHAR

10/10/2018

Carreta do Hospital de Câncer de Barretos estará em Santa Fé durante o Outubro Rosa 

A Administração Municipal da Estância Turística de Santa Fé do Sul (SP) por meio da Secretaria Municipal da Saúde desenvolverá durante este mês atividades em comemoração ao Outubro Rosa. Uma campanha tem como principal objetivo alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama e do câncer de colo de útero.

“Durante todo o mês teremos um olhar mais atento à saúde das nossas mulheres”, disse a secretária de Saúde Rosana Vassoler Theodoro de Oliveira. Desde o dia 1º de outubro, nas salas de esperas das Unidades de Saúde da Família os agentes de saúde estão orientando as mulheres sobre a importância dos exames preventivos e outros temas relacionados a saúde da mulher.

Na próxima quinta-feira (18), a partir das 15h, na Praça Salles Filho, será realizada uma concentração com os Servidores Municipais de Saúde, com os funcionários da Ordem dos Advogados do Brasil OAB/SP, do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) e do Centro Universitário UNIFUNEC para distribuição de folders e orientação sobre os exames preventivos para as mulheres. De 22 a 26 de outubro, a Carreta do Hospital de Câncer de Barretos estará em Santa Fé e realizará aproximadamente 350 exames de mamografia, previamente agendadas nas Estratégias de Saúde da Família.

“Quero lembrar também que os exames preventivos acontecem semanalmente nas ESF’s, às terças-feiras”, ressaltou Rosana.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INC), estima-se que, por meio da alimentação, nutrição e atividade física é possível reduzir em até 28% o risco da mulher desenvolver câncer de mama. Controlar o peso corporal e evitar a obesidade por meio da alimentação saudável e da prática regular de exercícios físicos, além de evitar o consumo de bebidas alcoólicas, são recomendações básicas para prevenir a doença. A amamentação também é considerada um fator protetor.